domingo, 31 de agosto de 2008

tempo de balanço

de acordo com a grande maioria dos comentadores encartados termina hoje a silly season (e sim também estou a incluir aquele criminologista famoso que todas as semanas vai à tv falar do caso maddie e que já nos vendeu pelo menos 15 suspeitos que segundo as suas análises do behaviour humano teriam matado a miúda) jornalistas e até jornaleiros.
como em tudo, a doutrina diverge, e eu acredito que a silly season em portugal é sempre que um homem quiser (ao contrário do natal), posso até prová-lo; este foi o único mês do ano em que o ferreira torres não bradou aos céus pela sua inocência, o primeiro só apareceu 1 única vez para anunciar os 1200 postos de trabalho altamente qualificados - imaginem vocês,- num call center, como se um gajo para falar ao telefone tivesse de ter um pi.eitchedi ou mesmo feito um paper em inglês técnico publicado nos boletins das juntas de freguesia de alhos vedros, alvoroço da serra e alfaiates. enfim os exemplos seriam muitos e variados.

de qualquer forma e sendo eu um cínico diletante (em passo acelerado para a profissionalização), vou assobiar para o lado e fingir que acredito - afinal se o primeiro só gosta de dar boas nouvelles aos portugueses, convencido que com isso o mundo sonha e avança, a dra. freirinha da oposição crê que a melhor solução para os problemas do country é encerrar-se em clausura e silêncio (e no caso concreto dela, até sou levado a concordar) e a alexandra solnado está convencida que fala com deus, é porque deve ser tudo uma questão de fé.

por isso senhores blogueiros, a partir de amanhã é pianinho e bola baixa. e tu dp, nada de voltar a denegrir o péssimo gosto do rui santos para fatos, gravatas, cortes de cabelo e afins, nada de voltar a dizer que o lino é um pateta e que aquele outro é um artolas, nada de insinuar que este país se está a deslocar geográficamente na direcção da colômbia, nada de afirmar que a vida dos tugas parece uma comédia da kabardino-balkaria, nem uma palavra sobre o aumento do crime organizado - porque ficou provado que foi apenas ficção nacional na grelha estival das tv's....

ora se não estás bem, trata do visto para marte.....e pronto. é oficial ! nesse caso vou tirar 3 fotos tipo passe.



1 comentário:

maria_arvore disse...

Como a doutrina diverge ;), salvo melhor opinião e sem desmerecer empregos de valor como operador de call center ou segurança privada não seria melhor a partir de amanhã investirmos no futuro enveredando por uma profissão na indústria hoteleira?... Nem inglês técnico precisa; basta o de praia. ;)